« Home | A graça não se mede aos palmos » | Exercício de estilo » | (para desenjoar de) Dois anos a discutir a direita... » | Dois anos a discutir a direita » | Dois anos a discutir a direita » | Hoje terá saído uma notícia » | Coerências » | Demasiadas noites no Frágil dá nisto » | Pinto Monteiro sofre pressões » | Mas o que é isto? Mas o que é isto? » 

quinta-feira, abril 12 

Quando sentires uma dor aguda na nuca, chama-se memória

O que pensava Paulo Pinto Mascarenhas da sustentabilidade política do ministro Paulo Portas, quando estava a ser alvo de um certo bombardeamento mediático, pelos idos de 2002, 2003? Demissão ou manifestação?
É que dizer que se tratava de julgamento de carácter ou de autoridade moral, era dizer pouco.


Dylan T.