« Home | Eu, abaixo assinada » | Gripe no Islão » | PARA UMA HISTÓRIA DA 2ª GUERRA MUNDIAL » | Casa Branca » | Estás a ver, FTA?... » | Hunting the birdcage » | ZELIG NA SALA OVAL » | Declaração da Gerência » 

quarta-feira, março 1 

Verdade e consequência

Elucida-nos Rui Ramos na ‘Mar lusitano’ que se pode ser de esquerda, mas que na direita, está-se. Pensei que ficassem felizes com este Governo de esquerda que está na direita sempre que é preciso responsabilizar o idoso pelos filhos ingratos que tem ou libertar o contribuinte para alimentar vícios públicos. A verdade é que o Governo de Sócrates não nos mente, vai remediando, aqui e ali, com os meios que o Estado tem, enquanto uma certa direita aplaude em surdina.
Não posso deixar de sentir pena dos coitadinhos dos auto-demonizados da direita. Assim não conseguem encontrar súbditos para aquela que seria a primeira grande revolução de direita - que dizem não querer, escudados por detrás do liberalismo, tão inócuo, tão inofensivo, tão sedento de líderes.
Pandora